And Last…Avaliação!

Fiz um encontro com os alunos para finalizarmos o projecto que lançamos no fórum “i-nós”.

Aproveitei ainda a ocasião para falar da avaliação dos alunos. Insisti na necessidade de aprenderem a estudar, a ler,  a cuidar da língua portuguesa, da sua escrita e fala. Constitui um desafio saberem estar conectados em contéudos relevantes na internet e sairem da zona da superficialidade que o “social media” pode nos impôr. Cultura geral, capacidade crítica eargumentos são fundamentais na área da Comunicação e Multimédia.

Tudo isto, entendo irá influenciar positivamente na formação desses futuros profissionais.

Pedi ainda que os alunos fizessem uma avaliação à disciplina e ao Professor. O resultado desta avaliação tem a importância que têm mas entendo submeter os dados à coordenação do Curso para consideração.

Este tema é de crucial relevância se se pretende de facto falar da qualidade no ensino superior em Cabo Verde e particularmente na Uni-CV. Esta iniciativa é apenas um pretexto e uma contribuição a esta implementação já tão necessária.

Os critérios que usei foram inspirados numa experiência já bastante usada nos Estados Unidos e pode ser consultada por todos em http://ratemyprofessor.com .

Foto0790

Alunos trabalhando.

Foto0794

António.

Foto0795

Alberto.

Foto0796

Celestina.

Foto0797

Emanuel.

Foto0798

Jaílson.

Foto0799

Keyla.

Foto0800

Ivan.

Foto0801

Joelson.

Foto0803

Cristiano.

Foto0804

Claudio.
Foto0805

Edson.

Workshop Som, Conteúdo, Tecnologia

sonconteudotecnologia

Ontem foi a nossa última aula.
Quis aproveitar este momento para falar aos alunos da minha experiência na produção musical. Falei do meu projecto experimental  Trás di Son, da sua realização “home made” e dos recursos que utilizei.

Mostrei as minhas ferramentas de trabalho, tais como o sintetizador Roland XP80, o Mixer de 4 canais, o interface áudio M-Audio, o MacBook, o Cubase 4 e outros acessórios.

Por exemplo, o microfone esteve a circular pela sala para os alunos que nunca tinham tido a oportunidade de ver de perto este importante recurso.

Depois, convidei os músicos da sala para improvisarmos um pouco, e aí a aula foi realmente interessante pois, o “spoken words” do Cristiano, do Danilson e do Emanuel levou toda a turma no beat.

Foi uma excelente última aula. Boa sorte a todos os alunos.

Facebook mobile users surpass desktop users for first time

facebookmarco

Segundo o Facebook, dos 1.06 bilhões de utilizadores activos no mundo, 618 milhões acedem à rede social através do móvel.

Este dado é um marco, pois significa que o número de visitantes do Facebook via o móvel supera o número daqueles que acedem via um desktop ligado à internet.

Vejam toda a informação em http://edition.cnn.com/2013/01/30/tech/social-media/facebook-mobile-users/index.html.

 

Nós e Pós CAN 2013

CAUSA E EFEITO

A meu ver não há palavras ou texto que possa descrever o que se viu na Nação Cabo-verdiana nesses dias em que a Seleção Nacional esteve a dar um autêntico show na África do Sul.

Definitivamente colocamos mais uma laje neste processo difícil de construção de um simbolismo necessário: temos pátria, temos bandeira e “nu ta xinti feliz di ter nascido cabo-verdianos”.

Pensando alto, entendo que o feito da Seleção pode colocar desafios enormes e estes pedem eventualmente que sejamos consequentes.

Gerou-se um “Postive Vibration” nacional que pergunto se de facto saberemos absorver e tirar proveito, canalizando para ações concretas. Sendo assim, entendo que qualquer destas perguntas a seguir podem ser legítimas (e claro que há muitas mais…!)

1. Vamos aprender sobre a Constituição e valores Nacionais?
2. Vamos fazer funcionar a Postura Municipal?
3. Vamos decretar Tolerância Zero à Violência?
4. Vamos resgatar a tal da Morabeza?
5. Vamos investir seriamente na organização dos partidos, das empresas, das organizações, das comunidades e das escolas
6. Vamos reinventar o Estado Democrático, instituição já falida hoje em dia?
7. Vamos ter um Parlamento e Deputados de referência mundial?
8. Vamos deixar de promover a “teoria de coitados e apoios”?
9. Vamos apelar à qualidade e mérito de todos?
10. Vamos ser consequentes e merecer o suor dos Tubarões Azuis na CAN?

Pensemos todos!

Workshop com Bruno Barbosa – O desenvolvimento de Mobile Applications

Hoje surpreendi os alunos com um workshop diferente. Convidei Bruno Barbosa, um jovem engenheiro informático e investigador que ao longo do último ano vem fazendo pesquisa e desenvolvimento sobre as tecnologias e aplicações para telemóvel.

bruno7

bruno5

Numa apresentação fora de comum, Bruno expôs um complexo tema de forma acessível através de exemplos e dicas orientando os alunos no sentido de tentarem os primeiros passos neste domínio.

bruno2

Bruno aproveitou ainda a oportunidade para falar da sua experiência profissional, das ferramentas, das tendências próximas e de ideias que poderão ser objecto de investigação aqui em Cabo Verde.

bruno1